Sardas podem ser tanto uma vontade quanto um problema para algumas pessoas, se você gosta das suas e quer acentuá-las ou se quer clareá-las, o texto de hoje é para você.

O artigo de hoje vai te explicar o que são essas pintinhas marrons que surgem principalmente nas pessoas com a pele mais clara e como cuidar delas.

Continue lendo e tire todas as suas dúvidas!

 

O que são as sardas e como elas surgem?

As sardas (ou efélides) são as manchinhas que variam do marrom claro ao escuro e que aparecem com mais frequência nas pessoas de pele clara.

Geralmente, elas surgem nas áreas com mais exposição ao sol como o rosto e o colo, principalmente no nariz e nas maçãs do rosto.

Essas manchas podem surgir de duas maneiras:

- Genética: quando a pessoa tem parentes próximos com sardas, tem maiores chances de desenvolvê-las também.

- Exposição solar: tomar sol em excesso ou não utilizar protetor solar corretamente são fatores importantes no surgimento das sardas.

Ninguém nasce com essas manchas, mas quando as sardas são hereditárias podem aparecer na infância e, quando são solares, costumam começar na adolescência.

 

Como cuidar e manter as sardas?

Se você está no grupo de pessoas que quer manter as sardas e acha que elas são um charme, veja essas dicas:

- Evite dermocosméticos com efeitos clareadores

Usar produtos clareadores pode amenizar as sardas, se quiser manter as suas, fique longe deles.

- Filtro solar sempre!

Tomar sol sem filtro solar pode danificar a sua pele e causar o surgimento de outras manchas, rugas, flacidez e até câncer de pele.

Mesmo que você não queira ter sardas, use o protetor solar com FPS 30 ou mais alto.

- Tenha uma rotina diária de cuidados adequados para a sua pele

Mantendo uma rotina de pele, suas sardas também ficarão mais bonitas.

Para encontrar os cosméticos certos para você, consulte um dermatologista!

 

Como clarear e eliminar as sardas?

Mesmo que as sardas não representem um problema de saúde, algumas pessoas realmente não gostam do aspecto delas.

Se você faz parte do grupo que não quer sardas pode contar com três opções:

- Cremes clareadores:

Esse é o tratamento mais comum e mais fácil de ser aplicado, já que é feito em casa.

Existem diversos clareadores no mercado, mas é importante consultar um dermatologista antes de iniciar qualquer tratamento estético.

- Peeling químico:

O peeling químico é ótimo para clarear manchas em geral, porque retira a camada de pele danificada e promove a criação de novo colágeno pelo corpo.

Pode te ajudar a eliminar as sardas e também promover uma pele mais jovem e bonita.

- Luz Pulsada:

A luz pulsada é um tipo de laser, eficaz no tratamento de manchas, estrias e cicatrizes.

Embora produza resultados rápidos, o número de sessões varia de acordo com cada caso e deve ser definido pelo profissional responsável.

 

Se você gostou do nosso artigo sobre sardas e quer saber mais sobre beleza e saúde, siga a gente no Facebook e no Instagram.